Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Gagos têm lado direito do cérebro mais ativo

A dificuldade em se expressar se deve a lapsos da coordenação neural

abril de 2012
© COMPLOT/SHUTTERSTOCK
Falar envolve mecanismos sofisticados. Em milésimos de segundo, o cérebro orquestra o trabalho dos músculos da laringe, da língua e dos lábios para que usem o ar na quantidade certa e em momentos certos, produzindo sons e sentidos apropriados. Esse processo normalmente ocorre no hemisfério esquerdo cerebral, e, conforme estudos recentes, a dificuldade que os gagos têm de se expressar se deve a lapsos da coordenação neural nesse lado. Agora, um artigo divulgado pela revista Cortex sugere que essa ligeira “deficiência” é compensada por uma maior atividade no lado direito do cérebro, o que confere maiores habilidades motoras a essas pessoas. Um grupo de 30 adultos, metade deles composta de gagos, foi orientado por pesquisadores da Universidade de Göttingen, na Alemanha, a tamborilar em sincronia com um metrônomo enquanto sua atividade cerebral era monitorada. Entretanto, os cientistas interferiram nas funções do hemisfério esquerdo do cérebro dos voluntários com estímulo magnético transcraniano, técnica não invasiva que reduz temporariamente as funções neurais. Resultado: apenas as pessoas com gagueira conseguiram manter o ritmo.

Quando os pesquisadores suspenderam a atividade do lado direito, aconteceu o oposto. Segundo o neurocientista Martin Sommer, coordenador da pesquisa, a gagueira envolve uma nova conformação neural e parece afetar muitos outros aspectos além da fala. No entanto, mais estudos são necessários para identificar esses mecanismos.