Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Game brasileiro auxilia crianças com dificuldades na alfabetização

Jogo de computador desenvolvido na USP apresenta associações entre letras, palavras e imagens de forma atraente e divertida e é indicado para alunos em início de aprendizagem

abril de 2007
EESC/USP
Situações cotidianas estimulam uso da escrita
Um jogo de computador desenvolvido na Escola de Engenharia de São Carlos da USP vai ajudar crianças com dificuldades de aprendizagem. Chamado “Ilha”, o game é indicado para alunos em início de alfabetização e apresenta associações entre letras, palavras e imagens de forma atraente e divertida.

Nesse ambiente virtual em 3D as crianças usam o teclado para guiar um menino por uma ilha. “Ele faz coisas como comprar, andar de ônibus, brincar em um parque de diversões”, conta o matemático Flávio Cezar Amate, autor da pesquisa. “Apesar de ser uma aplicação lúdica, os métodos de ensino permanecem implícitos e transparentes para as crianças.”

O jogo foi testado com 37 crianças, no Núcleo de Pesquisas Tecnológicas da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Elas foram acompanhadas por monitores, psicólogos e pedagogos, “e não associaram o jogo às tarefas da escola, o que é importante em crianças desestimuladas ou com traumas escolares”, conta Amate. “A duração estimada de cada partida era de 15 minutos, mas os alunos sempre pediam extensão do tempo, o que comprova seu interesse.”

Para estimular as crianças, o jogo fornece prêmios de reforço, como bicicletas e kart para auxiliá-las a explorar o cenário. “Há várias atividades”, ressalta o pesquisador. “Se a criança tem dificuldade em alguma tarefa, pode buscar outra e continuar no jogo, pois uma seqüência estruturada pode deixar o jogador sem saída e fazê-lo abandonar.” Após os testes finais, o “Ilha” vai ser disponibilizado na internet. “O software será compatível com qualquer computador que possua placa de vídeo 3-D e distribuído livremente”, destaca Amate (Agência USP de Notícias).