Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Qualidade do sono varia conforme etnia

Sexo antes de dormir é mais comum entre latino-americanos e afrodescendentes

maio de 2010
O LEITO, ÓLEO SOBRE CARTÃO, HENRI DE TOULOUSE-LAUTREC, C.1892-95, MUSÉE D’ORSAY, PARIS
Uma pesquisa feita pela National Sleep Foundation, nos Estados Unidos, mostra, pela primeira vez, que os hábitos de sono dos americanos variam conforme sua origem étnica. Participaram do estudo cerca de mil pessoas, que foram divididas em quatro grupos: afrodescendentes, asiáticos, latino-americanos e caucasianos. As queixas de insônia são maiores entre caucasianos (20%) e menores entre os asiáticos (9%). Os maiores índices de apneia do sono foram encontrados entre descendentes de negros. Estes últimos e os latino-americanos e afrodescendentes são os que mais assistem televisão uma hora antes de dormir (75% e 72%, respectivamente). Os asiáticos são os que menos perdem o sono por preocupações financeiras (9%) e os que mais usam a internet pouco antes de ir para a cama (51%).

A prática de sexo todos os dias antes de dormir é mais comum entre latino-americanos e afrodescendentes (10% em cada grupo). Rezar diariamente antes de se deitar é frequente entre os afrodescendentes (71%), seguidos dos latino-americanos (45%). Segundo os autores do estudo, os resultados devem orientar os médicos a identificar distúrbios de sono nessas populações, bem como a entender suas possíveis causas psicossociais.