Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Um baralho para tratar sintomas de TDAH

A psicóloga Luciana Tisser desenvolveu um baralho ilustrado para auxiliar os psicólogos a trabalhar os sintomas com seus pacientes de forma lúdica

abril de 2017
DIVULGAÇÃO

Cerca de 5% das crianças no mundo apresentam sintomas que caracterizam o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH). O diagnóstico é clínico, sem evidência neurobiológica, mas acredita-se que os sintomas, como dificuldade de controlar comportamentos impulsivos e de sustentar a atenção, possam estar relacionados a alterações em áreas do cérebro associadas às funções executivas, habilidades muito importantes para o aprendizado e a socialização. 


Considerando a complexidade do TDAH, a psicóloga Luciana Tisser desenvolveu um baralho ilustrado para auxiliar os psicólogos a trabalhar os sintomas com seus pacientes de forma lúdica.  A criança é estimulada a se identificar com os desenhos das 36 cartas, que trazem exemplos de situações comuns do TDAH – como interromper com frequência as falas de outras pessoas e não acompanhar explicações –, e descobrir o que os personagens fazem para buscar conviver melhor com os sintomas. A ferramenta pode ser usada também por professores e pais. O objetivo da autora é possibilitar que a criança se conscientize, fortaleça sua autoestima e desenvolva um papel mais ativo em seu tratamento.

TDAH: baralho do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade. Luciana Tisser. Sinopsys, 2017. 36 cartas. R$ 119,00

Para mais sugestões como esta adquira a edição de abril de Mente e Cérebro, disponível na Loja Segmento: http://bit.ly/2okoyWj