Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Voz feminina é mais complexa

fevereiro de 2006
Sons emitidos por mulheres são mais melodiosos; pacientes esquizofrênicos, independente do sexo, "escutam" palavras agressivas que em geral parecem ser ditas por homens

Quase nenhum outro sintoma psiquiátrico faz parte do "senso comum" de maneira tão presente como as vozes "ouvidas" pelos esquizofrênicos. Mas a ocorrência não é alta como se supõe. Apenas metade dos pacientes relata tais alucinações. Em geral, a voz parece ser de "meia-idade" e freqüentemente fala mal do doente. Além disso, estranhamente, quase três quartos dos "ouvidores de vozes" escutam vozes masculinas - seja o paciente homem ou mulher.

Um grupo de psiquiatras e radiologistas da Universidade Sheffield colocou 12 pessoas saudáveis em um tomógrafo eletromagnético e lhes apresentou diversas amostras de vozes masculinas e femininas. As vozes femininas, em comparação com a de um barítono masculino, não só estimulavam mais áreas do lobo temporal direito, onde se localiza o córtex auditivo, como a atividade cerebral iniciada nessa região era duas vezes maior quando uma mulher falava.

Assim, suspeitam os pesquisadores, vozes femininas são mais complexas que as masculinas e exigem, portanto, maior capacidade de processamento. "O aparelho vocal das mulheres tem estrutura diferente, o que confere a sua voz um espectro mais amplo de freqüências e faz com que elas soem mais melodiosas", explica o médico Michael Hunter, participante do estudo.

Talvez isso explique por que se costuma ouvir vozes masculinas. O cérebro em alucinação teria de se esforçar mais para reproduzir espontaneamente o complicado tom vocal da mulher.