Céu da semana
Perfil astrológico dos sete dias da semana

Semana de 14 a 20 de dezembro
por Milene Schmitt Batista


Reta final de tantos alvos almejados e desejados

Destaque da Semana

Nos últimos dias do ciclo no signo de Sagitário para no dia 21.12 iniciar o solstício de verão. O dia mais longo do ano e a entrada do verão, com o ingresso do Sol em Capricórnio e início da Lunação (Lua e Sol no mesmo signo - Capricórnio).

A reta final depois de tantos alvos almejados e desejados. Alguns acertados, outros distantes onde a postura e mira do arqueiro estão corretas, ou apenas precisando exercitar. Com o ciclo em Capricórnio, é momento de responsabilidade com as escolhas, comprometimento e assumir a sua parte por inteiro. Maturidade para lidar com elas e avalie se a estrutura é firme e comporta o tamanho das metas e ambições. Há condições para concretizar, realizar projetos com continuidade, diante de uma base firme. O ano começa com o ingresso do Sol em Áries, o impulso para abrir frentes, e agora o último teste das frentes abertas, se durante todos os ciclos (em todos os signos e em Capricórnio (elemento terra) que faz a última quadratura com Áries (elemento fogo) se aqui cresceu) tomou forma, e corpo, há estabilidade, todas as condições de prosseguir e expandir, podendo ir além dos limites, com segurança e longevidade.

O Sol vinha concluindo sua passagem em Sagitário com chave ... Ops. Flechas de ouro! Exato com Júpiter em Leão, regente de Sagitário, do dia 14 até o dia 18. Ainda tem coisas importantes a observar neste ciclo, que além de ganhar em expansão, pode mostrar outras direções que não pareciam oportunas, bem claras e definidas.

Mercúrio ingressa em Capricórnio no dia 17.12 até o dia 04.12 importante para conversas pontuais, tirando excessos (ciclo de Sagitário), com a cabeça mais fria em uma época de resolver, finalizar questões de trabalho, já alavancando o próximo ano que em questão de minutos, faz a virada. Aproveitar os dias de descanso que proporcionam arejar e relaxar, mas ainda tem o ciclo de Aquário e Peixes. Pode aparecer alguma pequena rachadura no alicerce; é Mercúrio o primeiro a pensar no quê e como fazer. A comunicação, os contatos, o movimento exato. No dia 17, Mercúrio faz aspecto com Netuno durante toda a semana.

Vênus se aproxima de Plutão e Urano no dia 17.12. O questionamento dos relacionamentos, se há comprometimento, confiança e realmente afinidades. Filosofia, religiosidade, viagens, gosto pela aventura são estimulantes e ricos. Se há condições de ir adiante com consistência e vontade de construir uma relação. Relacionamentos recentes podem passar pela primeira avaliação, e os mais antigos com questões que vem sendo mexidas e remexidas ao longo deste tempo da quadratura entre Urano e Plutão; pode aparecer outra faceta da questão. Por outro lado qual a dificuldade de ambos mudarem, ouvir e refletir o que o outro propõe sem tanta resistência e medo, como algo que vem para ajudar e contribuir para o crescimento pessoal e da relação, e não a perda de tempo para provar que tem razão, trazendo as mesmas e velhas questões do passado, sem estarem inseridas no contexto atual. Batendo na tecla desgastada, que pode soar bem desafinada.

Júpiter em movimento retrógrado até abril do ano que vem distanciado de Saturno que mostrou em primeira mão o valor da disciplina, e Júpiter da criatividade para expandir com conhecimento e temor. Ano que vem ao se aproximarem novamente, podem aparar arestas, re-unindo forças.

Marte inicia aspecto com Urano no dia 17.12 até a outra semana, isso facilita enxergar a oportunidade de mudar e quantas melhoras e benfeitorias para si, com a visão de mundo muito mais abrangente, sendo mais fácil se adaptar com entendimento, acompanhando as mudanças, agindo e fazendo as próprias escolhas, sem ser impelido por elas.

Plutão e Urano em aspecto exato no dia 14.12, seguem muito próximos até março onde fazem novamente aspecto exato pela última vez, sendo a reta final até ano que vem para lidar com transformações e mudanças enormes que vêm sendo feitas através de tensão, pressão e crises e agora mais abrandada por não haver outros planetas acionando, formando uma grande quadratura.

Domingo - 14 de Dezembro

Início da fase minguante. A Lua faz aspecto com o Sol e Mercúrio. Atividades que exijam método, concentração, organização e outras flechas sinalizando a rua, prática de esportes, encontros com amigos, confraternizações de final de ano com Sol e Júpiter. Lembrando das flechas luminosas que carregam luz na sua ponta, servindo como guia, expandindo os horizontes. Além da quadratura exata entre Urano e Plutão sugerindo: cuidado, autocontrole, evitando crítica (incluído aqui a autocrítica), comentários que podem ser tornar inconvenientes; ao invés de conversas que acrescentam, ou simplesmente tragam alegria e novas perspectivas. Possibilidade de discussões e desentendimentos que não causam rompimento; o laço fica comprometido e as relações perdem o espaço de troca e confiança. Lua e Saturno puxam as rédeas, colocando limites e cuidados para que as coisas não ganhem volume, dando chance a imprevistos dentro de um cenário propício a eles. O dia tem contrastes, mas há uma direção clara com o norte voltado para o que é promissor.

Segunda-feira - 15 de Dezembro

O dia de ontem já foi um exercício para exercer equilíbrio, agir com parcimônia e muito jogo de cintura. A Lua quadra com Vênus dando lugar à insatisfação e incômodos nas relações. Incoerência e contradições podem ficar evidentes, podendo ser conduzidas sem rigidez, de forma justa sem dar maior importância do que realmente tem. Lua em contato com Marte conjuga habilidade e ação rápida, diferente das habituais que somente criam conflitos e desgastes já bem conhecidos.

Terça-feira - 16 de Dezembro

Um bocado de irritação e impaciência depois das exigências e esforço para manter o equilíbrio no dia de ontem para não chutar com energia os pratos da balança, quando a liberdade é cerceada com normas, regras, crenças... Dificultando chegar a um consenso. A Lua faz sextilha com o Sol e os acordos começam a ser facilitados, a forma de fazê-los, em quais termos. Conciliação interna e com as pessoas.

Quarta-feira - 17 de Dezembro

Mercúrio ingressou em Capricórnio de manhã em aspecto com a Lua que segue em Libra até o inicio da tarde. Antes deixa o signo com harmonia, assunto que ela tem destreza quando está neste signo, que domina como ninguém. Quando entrar em Escorpião, faz aspecto com Netuno afinando a percepção e preparando para a limpeza, deixar no passado o que é passado, ver de forma profunda, com olhar de 360º. Quais são as suas verdades? Escorpião provoca e Netuno com o seu tridente e dá uma sutil cutucada.

Quinta-feira -18 de Dezembro

Verdades que apoiam propósitos fundamentais que dão sentido, construindo e arquitentando o viver. Ver os obstáculos também como oportunidades de crescimento e fortalecimento. Ficará claro o que causa dispersão por tomar atitudes sem qualquer planejamento ou estratégia, por considerar ultrapassado, principalmente se achar ou perceber que está sendo controlado e que dessa forma não há progresso, desconfiando de tudo e de todos. Lua e Marte em quadratura. Por outro lado, a Lua quer monitorar cada passo. À noite a Lua ingressa em Sagitário

Sexta-feira - 19 de Dezembro

Lua e Saturno em conjunção fazem parte do bálsamo que é a maturidade, de estar com os pés no chão, apoiado em si. Carregado de fé e otimismo que foi parte do trabalho deste ciclo, fora as aventuras pelas vias do conhecimento que será muito mais estimulada a partir do dia 23.12, quando Saturno ingressar em Sagitário, permanecendo no signo até 2017.

Sábado - 20 de Dezembro

A sensação boa de crer em si mesmo, de que é possível chegar lá, sonhar grande. Lua e Netuno em aspecto. Ah, mas esse aspecto confunde, embaralha, quase megalomania. Se abrir os olhos um pouco mais e não ficar preso à realidade imposta pelo mundo, este mundo também pode ser diferente. Filosofia e divagação. Será? As verdades são muitas e para cada pessoa, de forma única, pautada pelas próprias experiências. Amanhã a Lua encontra Júpiter que está no signo regente de Sagitário e legitima a verdade, aquela que vem do coração.


para falar com a astróloga Milene Schmitt Batista


Artigos relacionados - clique no título

>>> Astrologia: o que é e para quê?

>>> Astrologia e destino: De que forma o futuro é “escrito nas estrelas”?

 





Leia outras colunas interessantes aqui abaixo
Lua Fora de Curso Outro Lado Ser Integral Neoxamanismo

 
 
  Milene Schmitt Batista é astróloga
>> Mais informações>>
 
 
para a página principal