Neurociência & Aprendizagem
Neurociência pedagógica: abordagem neurobiológica e multidisciplinar sobre a complexidade cerebral na sala de aula
Entregue os movimentos da dança ao cérebro
por Marta Relvas

"O cérebro 'trabalha' a dança por você"

Você gosta de dançar?

Imagine que quando se gira o tornozelo ou o ato de tamborilar os dedos, pular com um pé só exige uma consciência espacial e equilíbrio, além de intenção e sincronismo (habilidades ligadas ao sistema sensório-motor).

O córtex parietal posterior, situado na parte de trás do cérebro, traduz as informações visuais em comandos motores, enviando sinais para a região de planejamento do movimento no córtex motor primário, onde são gerados os impulsos neurais que viajam para a medula espinal e para os músculos, provocando as contrações.

Ao mesmo tempo, os órgãos sensoriais nos músculos mandam uma resposta ao cérebro, dando a orientação exata do corpo no espaço, por meio de nervos que passam pela medula espinal até chegar ao córtex. Os circuitos subcorticais do cerebelo e dos gânglios da base também ajudam a atualizar os comandos motores com base na resposta sensorial e no ajuste de movimentos.

Todos esses movimentos pensados. imaginados e ritmados acontecem devido a uma estrutura localizada no lobo parietal posterior que contém um "mapa" baseado nos estímulos sensoriais do próprio corpo, denominado de região do Preconeus. Graças a ele, a sincronização da dança é possível ser realizada, inclusive insconscientemente quando se recebe estímulos neurais auditivos, juntamente com os movimentos realizados pelo cerebelo.

Enquanto o cerebelo recebe informações do movimento pela medula espinal, o Preconeus recebe informções sensoriais/auditivas. Na hora da música e da dança, ambos se complementam para a coreografia.

Dica:

Entre no ritmo da música através do Preconeus, permtindo que seu cerebelo realize os movimentos da dança e o seu córtex planeje sua coreografia.

Artigos relacionados - clique no título



>>> Aumento de capacidade aeróbica melhora cognição em adolescentes, indicam estudos

>>> Inteligência muda e gera comportamentos inteligentes

>>> O lado obscuro da inclusão escolar

>>> Atividade física precoce pode melhorar funções cerebrais ao longo da vida


 
Colunas relacionadas:
Luiz Alberto Py Cérebro & Corpo Mente na Terceira Idade Eu
 
e leia textos anteriores
 
Marta Relvas
é professora, neurobióloga, neuroanatomista psicanalista e psicopedagoga
>> Mais informações >>

Clique aqui
para falar com Marta Relvas
para a página principal