Neurociência & Aprendizagem
Neurociência pedagógica: abordagem neurobiológica e multidisciplinar sobre a complexidade cerebral na sala de aula

Ritual de passagem de ano traz sensação de renovação para o cérebro

por Marta Relvas

"A liberação de dopamina nos faz ficar alegres e mais afetivos..."

Apenas um ritual de passagem, mas o bastante para o nosso cérebro ter a sensação de renovação!

Momento para refletir sobre que foi realizado, o que gostaríamos de ter feito e não fizemos, além do que ainda se pretende fazer no ano que vem: projetos de vida.

Essa capacidade de projetar nossos desejos se dá por que o ser humano tem um artefato incrível que o permite pensar, querer, imaginar, refletir, imaginar e criar "sonhos". Somos dotados de funções cognitivas, intelectuais (área do cérebro responsável: neocortex do pré-frontal), que nos possibilitam a sensação de pertencimento entre os nossos entes queridos.

É tempo de doar e receber... Nossos cérebros agradecem! A liberação de dopamina nos faz ficar alegres e mais afetivos nesses momentos.

Dicas para liberar dopamina:

- Ligue para os amigos e diga o quanto eles são importantes para você;

- Abrace e troque lembrancinhas, nosso sistema de recompensa agradece;

- Cuidado com os excessos! Evite as gorduras e procure ingerir mais proteínas com aminoácido triptofano, para produzir mais *serotononia e promover o seu bem-estar.

A partir disso, sim: Feliz Natal e Feliz Ano Novo!

* A serotonina é uma substância química produzida nos neurônios que tem função relacionada ao bem-estar, à felicidade e ao bom humor.

Artigos relacionados - clique no título



>>> Aumento de capacidade aeróbica melhora cognição em adolescentes, indicam estudos

>>> Inteligência muda e gera comportamentos inteligentes

>>> O lado obscuro da inclusão escolar

>>> Atividade física precoce pode melhorar funções cerebrais ao longo da vida


 
Colunas relacionadas:
Luiz Alberto Py Cérebro & Corpo Mente na Terceira Idade Eu
 
e leia textos anteriores
 
Marta Relvas
é professora, neurobióloga, neuroanatomista psicanalista e psicopedagoga
>> Mais informações >>

Clique aqui
para falar com Marta Relvas
para a página principal