A ESTRANHA HOSPEDARIA DOS PRAZERES
  






Produzido em 1975-1976. Lançado em 16 de outubro de 1976 (Uberlândia /MG); 24 de janeiro de1977 (São Paulo /SP). Colorido. 79 min.

Produtor
José Mojica Marins (Produções Cinematográficas Zé do Caixão) Diretor Marcelo Motta Diretor não-creditado José Mojica Marins Produtor Associado Alfred A. Cohen (Brasil Internacional Cinematográfica) Diretor de Produção Jorge Perez Ortega Roteiro Rubens F. Lucchetti Argumento José Mojica Marins Diretor de Fotografia e Câmera Giorgio Attili Assistente de Câmera José Geraldo Montagem Nilcemar Leyart Figurinos Nilcemar Leyart Maquiador Creusa Maria Efeitos Especiais Laurentiu Antonescu Técnico de Efeitos Especiais Indrikis Kruskops Distribuição em Vídeo América Vídeo Filmes Elenco José Mojica Marins, Rosalvo Caçador, Marizeth Baumgartem, Luzia Zaracausca, Alfredo de Almeida, Enirciley Nunes, David Hungaro, Jorge Peres, Giulio Aurichio, Maria Helena Zeferino e João Paulo Ramalho (dublador da voz de José Mojica Marins).

Numa estranha hospedaria isolada, o proprietário misterioso contrata funcionários para que possam receber hóspedes em busca de abrigo. Numa noite de tempestade, aparecem várias pessoas, entre elas um grupo de hippies, um casal de adúlteros, um suicida, um gigolô e alguns empresários corruptos.
Na manhã seguinte, os hóspedes desavisados descobrem a verdadeira identidade do dono da hospedaria: a Morte! Mojica, atarefado, pediu a seu discípulo Marcelo Motta que dirigisse o filme e só se encarregou de algumas cenas.