Nos quartos de Ana Carolina
Cantora lança CD duplo recheado de hits prontos e letras polêmicas

por Beto Feitosa

Como nos antigos discos de vinil, o novo CD de Ana Carolina tem dois lados. O álbum duplo Dois quartos, lançado pela Sony & BMG, traz discos irmãos, mas com personalidades diferentes.

O primeiro se chama Quarto. Traz a primeira faixa de trabalho e o pop tradicional de Ana Carolina que as rádios já conhecem e os fãs estão habituados. Do outro lado do box tem Quartinho, disco em que Ana ousa experimentar outras linguagens e novos formatos.

Ana se sai melhor em seu estilo habitual. Mas não deixa de ser saudável a vontade de um artista com carreira consolidada, de ousar e experimentar novos caminhos. E ela vai a extremos e causa susto logo na primeira faixa de Quartinho, La critique, apresentada como "um exercício sobre diferenças". "Ela nasceu de um tema que sempre me interessou: a loucura. Mas quis explorar um ponto-de-vista diferente", explica Ana. "Fui a um centro psiquiátrico ouvir dos próprios internos, o que para eles é sanidade e loucura, já que a gente só sabe o que é louco a partir do nosso conceito do que é são. Às frases deles, somei uma colagem de sons de instrumentos diferentes, colaborações dos músicos que iam ao estúdio, e acrescentei samplers de cordas e vocais. É uma música louca", define.

Em 2006 as cantoras resolveram multiplicar seus trabalhos. Jorrando criatividade e repertório, Maria Bethânia e Marisa Monte lançaram dois CDs separados. Entre as três apenas Bethânia mostrou que realmente tinha produção para isso. O novo CD de Ana Carolina traz 23 canções, mas poderia facilmente ser mais resumido.

Sem lançar trabalho inédito há três anos, Ana tinha repertório acumulado. Apenas duas músicas de Dois quartos não levam a assinatura da cantora. "Sou uma compositora compulsiva e gosto muito disso", revela em depoimento distribuído para a imprensa. "Estou sempre me encontrando com um parceiro ou outro para fazer música. Desde a finalização de Estampado, vinha acumulando canções e me veio a vontade de fazer um CD duplo. Eram umas vinte então, e, já no início de 2006, umas quarenta composições inéditas", calcula.

Na cama com Ana. O aviso na contracapa adverte: "Desaconselhável para menores de 18 anos - conteúdo adulto". Sedutora ao extremo, Ana Carolina sabe o que costuma provocarem seu público. Em seus shows e fóruns de comentário é comum se deparar com declarações de amor exacerbadas. Se sexo é um assunto que vende bem e provoca a libido e a polêmica, Dois quartos está cheio de referências e músicas para se cantar entre as quatro paredes.

Em Cantinho fala claramente sobre sexo oral. No mesmo CD provoca: "Eu gosto de homens e mulheres / E você, o que prefere?". No outro, vai além do sonho de Léo Jaime que, em 1990 cantou Eu vou comer a Madonna, e garante Eu comi a Madonna, como descreve em detalhes. Quem já assistiu alguma apresentação ao vivo da cantora entende o motivo de tantos hormônios musicais. "Não será surpresa para mim que num primeiro momento chamem mais a atenção as letras com alguma conotação sexual", prevê Ana.

Antes mesmo do disco chegar ao público, a faixa Rosas, de Antônio Villeroy (antes Totonho Villeroy, compositor de Garganta) já estava na ponta da língua das pessoas e entre as mais pedidas nas rádios. Com a habitual doce agressividade de sua forte voz, aumentou ainda mais a expectativa do disco que não chega a decepcionar.

Boas histórias como O Cristo de madeira ou a volta do poderoso pandeiro na rimada e divertida Chevette marcam o gol de Ana Carolina. Com esse CD a cantora procura prolongar sua apaixonada relação com o público e com a mídia.

Vivendo o melhor momento de sua carreira até agora, Ana Carolina anda com ares de hitmaker, emplacando vários sucessos seguidos. Dois quartos dá vazão ao bom momento da cantora e tem material de sobra para isso, várias músicas são candidatas a freqüentar as rádios. Sendo assim está aberta nova temporada de Ana Carolina, e dessa vez tem material em dobro para alegria de seu imenso fã-clube.

  • Ana Carolina estréia o show Estampado
  • Ana Carolina comanda o público
  • O natal de Ana e Jorge
  • Ana Carolina estampa novas músicas em DVD
  • Tudo estampado no novo CD - Ana Carolina diz que isso é amor


  • matéria anterior:
  • Toquinho ganha tributo instrumental
    ÚLTIMOS LANÇAMENTOS